Taxa de câmbio:
RUB/BRL 0,063
0,0000
INR/BRL 0,6626
0,0000
ZAR/BRL 3,0203
0,0000
CNY/BRL 0,7577
0,0000
EGP/BRL 1,1486
0,0000
AED/BRL 1,5091
0,0000
USD/BRL 5,5423
0,0000
Tempo:
Moscou 21 °C
Brasília 12 °C
Nova Délhi 31 °C
Beijing 33 °C
Pretória 9 °C
Cairo 31 °C
Teerã 33 °C
Abu Dabi 33 °C
Menu
21 °C
Moscou
12 °C
Brasília
12 °C
Nova Délhi
33 °C
Beijing
9 °C
Pretória
31 °C
Cairo
33 °C
Teerã
33 °C
Abu Dabi
RUB/BRL
0,063
0,0000
INR/BRL
0,6626
0,0000
ZAR/BRL
3,0203
0,0000
CNY/BRL
0,7577
0,0000
EGP/BRL
1,1486
0,0000
AED/BRL
1,5091
0,0000
USD/BRL
5,5423
0,0000
TV BRICS Apps
Principal
Notícias
Vídeos
Menu
18.07.2411:45 Sociedade
Projetos da TV BRICS serão transmitidos na mídia dos Bálcãs
11.07.2415:15 Sociedade
Maior conglomerado de mídia da Etiópia junta-se à rede de parceiros da TV BRICS
09.07.2418:30 Cultura
Filme "Dostoiévski Intercontinental", da TV BRICS, recebeu diploma do Festival Internacional de Cinema "Literatura e Cinema"
Rússia Notícias do mundo
05.06.24 13:15
Economia

Alexey Valkov, diretor do Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo: O SPIEF é um evento global atualmente

O Fórum será realizado de 5 a 8 de junho de 2024 em São Petersburgo

Alexey Valkov, diretor do Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo (SPIEF na sigla em inglês) e vice-diretor da Fundação Roscongress, falou a Peter Ndoro, do BRICS Africa Channel, sobre a importância do evento para o desenvolvimento da Rússia e do mundo e sobre o interesse das empresas em investir no continente africano.

Conte-nos como o SPIEF se desenvolveu desde sua criação em 1997?

Na verdade, ela tem se desenvolvido constantemente. Ao longo de 20 anos, o Fórum mudou de três locais e passou por muitas mudanças em termos de organização. Hoje, o SPIEF é realmente um evento global. No ano passado, recebeu a visita de mais de 17.000 convidados de 135 países.

Muitas pessoas falam sobre o Fórum Econômico Mundial, mas tem-se a impressão de que o evento em São Petersburgo é muito maior. O que há de tão especial no SPIEF que atrai tantas pessoas?

Acho que se trata de contatos entre CEOs e empresários importantes de todo o mundo. É claro que a ampla cobertura da mídia sobre o evento também é importante. Durante os quatro dias, os jornalistas trabalham e os empresários participam de programas especiais, negociam e assinam contratos. Nossa plataforma ajuda a desenvolver os negócios.

Que assuntos são discutidos no fórum? É claro que eles falam principalmente sobre negócios, mas também abordam outros tópicos.

Cerca de 17.000 pessoas participam do evento. Todos os setores da economia estão representados em nossa plataforma. Mais de 1.000 sessões de negócios e painéis de discussão são realizados durante quatro dias. Também estamos trabalhando na arquitetura do programa de negócios da SPIEF e estamos nos esforçando para garantir que nossa agenda reflita o mundo global e os eventos que estão ocorrendo nele. Em geral, há cinco tópicos principais na agenda: a economia global, o investimento no mercado russo, o potencial humano, o mercado de trabalho e a tecnologia da informação e inovação.

A mudança climática e o empreendedorismo sustentável são temas quentes atualmente. Essas questões estarão na pauta do fórum?

Sim. Durante os quatro dias, realizaremos várias sessões dedicadas a esses tópicos. Como organizadores, estamos comprometidos com uma agenda verde. Um de nossos eventos anuais, o Fórum Econômico do Leste, organizado pela Fundação Roscongress, foi o primeiro evento com emissão zero de carbono. Estamos nos esforçando para alcançar esses resultados também no SPIEF, que é muito maior em escala.

Estamos tentando reduzir o desperdício e incorporar uma agenda verde na organização do evento.

Quais são os benefícios que esse fórum traz para a Rússia?

Aqui podemos discutir nossas metas comuns com nossos parceiros. É uma ótima oportunidade para estabelecer contatos com empreendedores de todo o mundo e contar a eles sobre o que temos a oferecer.

Se entendi corretamente, nesse evento os investidores e empresários internacionais podem conhecer as pessoas em quem estão interessados?

Sim, temos membros do governo russo, o vice-primeiro-ministro, além de ministros e governadores. Eles participam de negociações, painéis de discussão e assinam documentos. Os participantes do fórum podem realmente conhecer as autoridades.

O que os empresários que vêm ao fórum lhe dizem? Apesar de estarem ocupados, eles encontram tempo para participar.

Sim, estamos muito felizes com o fato de que todos os anos recebemos a visita de muitos empresários, apreciamos isso e vemos que a cada ano o interesse dos negócios internacionais no fórum só aumenta. As pessoas realmente expressam seu desejo de vir até nós. Elas querem negociar e se desenvolver na Rússia.

Fale-nos sobre a participação da África no SPIEF. O número de participantes de lá está crescendo?

Sim, com certeza. Os africanos estão cada vez mais interessados no fórum a cada ano. Nossa cooperação ativa começou em 2019, com a primeira cúpula dos chefes de estado do continente e o Fórum Econômico Rússia-África. A segunda cúpula e o fórum foram realizados em São Petersburgo no verão passado. Após esses eventos, cada vez mais africanos vêm nos visitar todos os anos. Cooperamos em um programa especial de negócios, por exemplo, realizamos uma mesa redonda de negócios russo-africana.

O que os CEOs sul-africanos devem esperar da viagem ao fórum deste ano?

Eu aconselharia todos a se prepararem com antecedência. Isso é o mais importante, porque absolutamente todos no Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo têm uma agenda muito ocupada. O evento oferece muitas oportunidades. É melhor saber de imediato o que você quer. Você precisa se concentrar em algo específico.

E quanto a vistos e outros documentos? Eles são difíceis de conseguir?

Até onde eu sei, não há problemas com vistos entre a África do Sul e a Rússia. Para outros países, oferecemos nosso próprio suporte, graças ao qual você pode obter um visto no mesmo dia em que entregar seus documentos ao consulado. Ele é emitido por três semanas. Durante esse período, você pode visitar São Petersburgo e participar do fórum.

Como você acha que o SPIEF se diferencia de outros fóruns globais? Em sua opinião, qual é a sua singularidade?

Oferecemos uma plataforma aberta para discussão. Todos podem propor um tópico para discussão ao comitê organizador. Milhares de especialistas de todo o mundo participam do fórum. Fornecemos ferramentas para o desenvolvimento de relações comerciais e bilaterais. Estamos abertos à cooperação e garantimos que nossos convidados obtenham resultados positivos.

Fotografia: BRICS Africa Channel


Curto
e direto ao ponto
Uma vez por semana, cobriremos as notícias dos países do BRICS
Ao clicar no botão "Assinar", você concorda com o processamento de dados pessoais

MAIS SOBRE O TEMA

19.07.2411:45 Economia
FMI estima crescimento acima de 3% na economia do Irã
19.07.2410:30 Economia
Investimento dos Emirados em startups de enegia ultrapassa R$ 160 milhões
18.07.2410:30 Economia
Arábia Saudita lança projetos agrícolas para cultivo de frutas, flores e café
17.07.2411:45 Economia
Exportação de café da Etiópia gera receita de mais de R$ 7 bilhões
16.07.2418:00 Economia
Governo da África do Sul aloca mais de R$ 600 milhões para desenvolvimento de pequenas empresas
15.07.2417:12 Economia
Exportações agrícolas do Egito ultrapassam R$ 15 bilhões no 1º semestre
Curto
e direto ao ponto
Uma vez por semana, cobriremos as notícias dos países do BRICS
Ao clicar no botão "Assinar", você concorda com o processamento de dados pessoais