Taxa de câmbio:

Tempo:

Dia do Samba celebra-se no dia 2 de dezembro

Dia do Samba celebra-se no dia 2 de dezembro

No dia 2 de dezembro, é comemorado o Dia do Samba, elemento de referência da cultura nacional do Brasil. Listamos algumas curiosidades sobre esse gênero musical que anima pessoas do mundo inteiro.

Surgimento da data

Essa data foi criada pelo vereador Luis Monteiro da Costa, em homenagem ao artista Ary Barroso. Essa data significa o dia que ele visitou a Bahia pela primeira vez. A data foi se espalhando e tornou-se nacional.

Raízes

O samba possui raízes africanas, apesar de ser um gênero brasileiro. O ritmo e a cultura que o inspiraram vieram para o Brasil junto com os negros escravizados, que geraram o samba de roda, considerado Patrimônio da Humanidade em 2005, pela Unesco. Na segunda metade do século XIX, os negros migraram para o Rio, surgindo outra manifestação importante na época, o samba carioca, destaca o repórter de tvbrics.com com referência ao ArtistaParaEventos.

Primeiro samba

“Pelo Telefone” foi o primeiro samba gravado por Ernesto dos Santos e Mauro Almeida, em 1917. Foi após essa música que ele se espalhou pelo país, ligado inicialmente ao carnaval e depois ganhando espaço na indústria musical.

Derivados do samba

Após o surgimento e o sucesso do samba, alguns ritmos se derivaram dele, formando nossos estilos. Algumas dessas formas musicais são o samba de gafieira, o samba enredo, samba-rock, samba de breque, o partido alto, samba-canção, o pagode, entre outros.

Como surgiu

O samba nasceu na Rua Visconde de Itaúna, perto da Praça Onze, onde uma roda de amigos improvisava alguns versos, com um ritmo diferente, na casa de Tia Ciata, uma das moradoras do morro. Em 2007, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) declarou o ritmo como Patrimônio Cultural do Brasil.

Origem do nome

Samba veio originalmente do banto, uma língua africana falada em Angola. Existem duas hipóteses para a origem do nome: ele deriva da palavra “semba”, que significa bater umbigo com umbigo, já que nas rodas de escravos era comum a umbigada, dança onde os dois participantes encostavam uma barriga na outra. Ou é a união de sam (pagar) e de ba (receber).

Bossa Nova

A globalização permitiu que elementos norte-americanos se misturassem à nossa cultura. A bossa nova foi um dos resultados dessa combinação, sendo uma mistura entre o samba, jazz e blues. Nesse novo cenário, os dois nomes que se destacam são Tom Jobim e João Gilberto.

Mais sobre o tema
Recife, a nova Meca do cinema brasileiro
Zélia Gattai e Jorge Amado são tema de exposição no Recife
A vida cheia de mistérios de Heitor Villa-Lobos, o maior compositor brasileiro
Começa a Semana Internacional do Café em Belo Horizonte
Neymar vai à Disney com o filho e exibe novo visual
Brasil Eco Fashion Week chega em sua terceira edição
Mais