Taxa de câmbio:

Tempo:

Torre de TV de Brasília inaugura iluminação de Natal com shows e fogos de artifício

Torre de TV de Brasília inaugura iluminação de Natal com shows e fogos de artifício

A maior árvore de Natal do Brasil inaugurou a iluminação especial. Com 224 metros de altura, a Torre de TV de Brasília, localizada no coração da capital federal, foi equipada com 200 canhões de luz e 300 refletores de LED.

Para celebrar a estreia – ainda mais iluminada com fogos de artifício – a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional se apresentou com balé ao vivo e, logo depois, subiu ao palco a cantora sertaneja Naiara Azevedo. O concerto clássico foi regido pelo maestro Claudio Cohen, com repertório de “O Quebra-Nozes”, de Tchaikovski. O espetáculo foi interpretado por bailarinos do Teatro Municipal do Rio de Janeiro e do Teatro Colón, de Buenos Aires, na Argentina.

O responsável por transformar a torre de transmissão na «maior árvore de Natal do país» foi o diretor artístico Abel Gomes, que já assinou árvores natalinas famosas, como a da Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro, e a do Parque Ibirapuera, em São Paulo.

“De cada lugar que você vir a torre, a luz vai estar diferente. É uma árvore de Natal imaginária”, disse.

A decoração ficará montada até dia 6 de janeiro, mas as luzes ligam somente à noite: das 19h à 1h30. A fonte também vai compor o cenário natalino.


Mais sobre o tema
Bióloga brasileira que salvou Arara Azul da extinção concorre a prêmio
São Paulo recebe exposição Heranças de um Brasil Profundo
Cinco coisas para saber sobre o Fórum Econômico Mundial de Davos
Obras no Sambódromo do Rio só ficam prontas na primeira semana de fevereiro
Cachaça brasileira ganha espaço e é produto de empreendedorismo na França
ONG em Goiás acolhe onça que ficou cega após ser atingida por tiros de chumbinho
Mais
Torre de TV de Brasília inaugura iluminação de Natal com shows e fogos de artifício

A maior árvore de Natal do Brasil inaugurou a iluminação especial. Com 224 metros de altura, a Torre de TV de Brasília, localizada no coração da capital federal, foi equipada com 200 canhões de luz e 300 refletores de LED.

Para celebrar a estreia – ainda mais iluminada com fogos de artifício – a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional se apresentou com balé ao vivo e, logo depois, subiu ao palco a cantora sertaneja Naiara Azevedo. O concerto clássico foi regido pelo maestro Claudio Cohen, com repertório de “O Quebra-Nozes”, de Tchaikovski. O espetáculo foi interpretado por bailarinos do Teatro Municipal do Rio de Janeiro e do Teatro Colón, de Buenos Aires, na Argentina.

O responsável por transformar a torre de transmissão na «maior árvore de Natal do país» foi o diretor artístico Abel Gomes, que já assinou árvores natalinas famosas, como a da Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro, e a do Parque Ibirapuera, em São Paulo.

“De cada lugar que você vir a torre, a luz vai estar diferente. É uma árvore de Natal imaginária”, disse.

A decoração ficará montada até dia 6 de janeiro, mas as luzes ligam somente à noite: das 19h à 1h30. A fonte também vai compor o cenário natalino.


Mais sobre o tema
Bióloga brasileira que salvou Arara Azul da extinção concorre a prêmio
São Paulo recebe exposição Heranças de um Brasil Profundo
Cinco coisas para saber sobre o Fórum Econômico Mundial de Davos
Obras no Sambódromo do Rio só ficam prontas na primeira semana de fevereiro
Cachaça brasileira ganha espaço e é produto de empreendedorismo na França
ONG em Goiás acolhe onça que ficou cega após ser atingida por tiros de chumbinho
Mais